domingo, 16 de outubro de 2011

AMOR PRÓPRIO



Estou desenvolvendo uma arte própria.
A arte de ser EU.
De buscar sabor além dos pratos ofertados,
De novamente contestar...

Estou desenvolvendo uma arte tão genuína
E que talvez não sirva a mais ninguém!
Pois bem, a arte nunca é finda,
E há de, ao menos a mim, fazer bem.

Estou desenvolvendo uns preceitos
Um brilho novo, uma essência
Que vai repelir ou aproximar.

Arte que vem me encantando,
Pois em mim e por mim
Voltei a apaixonar...

Mirian Marclay Lemos Melo 


Mirian obrigada por esta sensibilidade que toca diretamente ao coração, um grande abraço com muito "Lirismo a flor da Pele"


Tenham todos um lindo Domigo!!

2 comentários:

  1. Parabéns Mirian! Poema lindo! Intensidade em cada verso. Adorei, amiga. bjs.

    ResponderExcluir
  2. amei...simplesmente amei....

    ResponderExcluir

Obrigada pela visita, seu comentário e muito importante para o Fuzuê das Artes